Donna Summer La Dolce Vita

domingo, 26 de maio de 2013

The Wanderer (álbum de Donna Summer 1980)








The Wanderer  é um álbum bem conceitual com elementos musicais bem futuristas que quebram as barreiras sonoras do rock and roll.

The Wanderer é o oitavo álbum de estúdio de Donna Summer (1980) . Era o seu primeiro lançamento pela nova gravadora Geffen Records e tornou-se um álbum Top 20 nos Estados Unidos, com o título da faixa única a chegar a # 3 na Billboard Hot 100 The Wanderer .
Donna Summer tinha feito seu nome na década anterior como a artista feminina de maior sucesso  gênero Disco , lançando uma vasta seleção de singles e álbuns pela Casablanca Records. Durante este período, no entanto, Summer sentiu que o rótulo criado em torno de sua fama tinha a  explorado e a fez retratar uma imagem típicamente sensual ("The First Lady of Love") com o qual ela nunca se sentiu confortável . O rótulo também tinha assumido outros elementos da vida pessoal de Summer, até o ponto de sentir que não tinha controle sobre sua própria vida ou carreira . Tendo saído de um período de depressão e redescobrir a sua fé cristã, Summer  tomou a decisão de romper com a Casablanca e mover uma ação judicial contra eles. Após o processo ser finalmente resolvido, Summer tornou-se  a  primeira  artista a assinar com uma gravadora de Rock a recém-criada Geffen Records .

Naquela época, a disco music estava começando a experimentar uma reação. O rock e a new wave tinha começado a se tornar mais popular, e as pessoas estavam começando a sentir que a original "borda" para a cultura disco já tinha desaparecido e que tinha se tornado um " produto seguro ".  Outros achavam que a cena da disco se tornou muito associada a drogas. Em 1980, protestos "disco sucks" foram vistos em todos os lugares e registros da disco foram destruídos pelos mais radicais.  E os Fãs queriam saber que direção  "A Rainha da Disco" iria tomar agora. Seu álbum anterior, Bad Girls , havia elementos da combinação de rock , soul e R& B com o som da disco, por isso tornou-se evidente que ela já tinha evoluído de  forma estrondosa e estava preparada para interpretar qualquer gênero musical. Alguns artistas continuaram com o som da  discoteca, apesar da reação. Donna Summer no entanto irá quebrar as regras, decidindo deixar o som da disco para trás e The Wanderer acabou sendo um verdadeiro experimento da nova tendência que anunciava o início de mais uma década musical para Donna. Pois todas as canções traziam  muito rock e New Wave em seu contexto musical inclusive uma bela balada gospel I Believe In Jesus  que na época mostrou uma Summer com um nível acima do normal, Donna entrava numa nova era pop . O álbum foi co-escrito e produzido por Giorgio Moroder e Pete Bellotte , que havia produzido a grande maioria dos seus mais famosos hits, desde a sua parceria com ela que começou em 1974. A produção para o álbum The Wanderer foi levado às pressas, a Geffen queria ter um  novo produto bem diferente do que era oferecido pela Casablanca. Mais a mesma reagiu e lançou uma coletânea de nome Walk Away uma  coleção Greatest Hits que reagiu nas paradas e foi sucessos de vendas. Teríamos que fazer mais ajustes, e ter mais tempo para a produção. Mas nós reagimos, disse Harold Faltermeyer, sobre a gravação do álbum que estava perfeito.

Faixas como "Cold Love" e "Nightlife" consistia de um forte som de rock, e Summer ganhou um nomeação para Melhor Performance Vocal Feminina de Rock no Grammy . Outras canções como "Looking Up" e "Breakdown" abraçou um dance/ rock, som bem ao estilo da novata e concorrente Pat Benatar 's We Live For Love . A Nova fé cristã redescoberta por Donna Summer foi documentada na canção gospel "I Believe In Jesus", pelo qual ela também recebeu uma nomeação para Melhor Performance gospel . Como Donna Summer começou  a cantar em corais gospel desde criança esta  canção foi uma chance para a diva voltar as suas raízes. Também vale conferir além da canção título The Wanderer a hipinótica Grand Ilusion  que trazia elementos musicais bem futuristas.

O álbum alcançou a posição número 13 nos  EUA Album Chart - vendendo 600 mil cópias só nos Estados Unidos - a faixa-título bateu o número 3 na parada de singles dos EUA. No entanto dois singles  - "Cold Love "e" Who Do You Think You´re Foolin ' "- não foram bem sucedidas e mal chegou ao Top 40.    O álbum e seus singles atingiram  sucesso limitado nas paradas do Reino Unido. Nenhum dos singles chegou ao Top 40 do Reino Unido. Mais The Wanderer é um dos álbuns mais vibrantes e completos de Donna Summer bem diferente daquilo que ela já tinha feito na era disco, basta conferir! Este álbum recebeu o certificado ouro. The Wanderer é um disco raro e inovador que não pode faltar na sua discografia.

Faixas
Lado A
"The Wanderer" (Moroder, Summer) - 3:47
"Looking Up" (Bellotte, Moroder, Summer) - 3:57
"Breakdown" (Bellotte, Faltermeyer) - 4:08
"Grand Illusion" (Moroder, Summer) - 3:54
"Running for Cover" (Summer) - 4:01
Lado B
"Cold Love" (Bellotte, Faltermeyer, Forsey) - 3:38
"Who Do You Think You're Foolin'" (Bellotte, Sylvester Levay, Jerry Rix) - 4:18
"Nightlife" (Bellotte, Moroder) - 4:00
"Stop Me" (Bellotte, Forsey) - 3:44
"I Believe in Jesus" (Summer) - 3:37
Álbum de estúdio  The Wanderer  Donna Summer

Lançado Em Outubro de 1980
Gravado 1980
Gênero Pop rock , New Wave
Etiqueta Geffen
Produtor Giorgio Moroder e
Pete Bellotte


Nenhum comentário:

Postar um comentário